Sessão Fora da Ação Monster Energy Supercross 2019 – 1a etapa – Anaheim #1

Vamos ver quem está de fora da próxima etapa do Monster Energy Supercross 2019 que acontece neste sábado em Anaheim.

Categoria 450SX

Benny Bloss – Joelho (fora de ação)

Bloss rompeu o LCA recentemente e está de fora de toda a temporada do AMA Supercross 2019. Ele será substituído por Justin Bogle e espera voltar para o Motocross.

Weston Peick – Lesões na face e na boca (fora de ação)

Peick bateu com Dylan Ferrandis e foi atropelado por Cedric Soubeyras durante o Paris Supercross 2018. Ele sofreu graves lesões e passou por várias cirurgias para reparação. Os médicos esperam uma recuperação completa, mas vai demorar e não será fácil.

Marvin Musquin – Joelho (vai competir)

Musquins lesionou o menisco enquanto treinava para o Paris Supercross 2018 e desde então vem fazendo fisioterapia e vai correr em A1.

Zach Osborne – Clavícula (fora de ação)

Osborne caiu recentemente e danificou uma placa que foi implantada na sua clavícula desde os tempos de amador. Ele operou esta semana para reparar o osso e deve ficar fora da ação de 4 a 6 semanas.

Deven Raper – Pelve, coluna e nariz (fora de ação)

Raper quebrou o nariz, a pelve e duas vértebras no final de Novembro e está fora de ação. Ainda não há uma previsão de retorno.

Malcolm Stewart – Dolorido (vai competir)

Stewart sofreu um acidente grave enquanto treinava no Torino Supercross. Os rumores falaram de uma fratura no fêmur, mas exames mostraram que não foi o caso e ele vai competir neste final de semana.

Dakota Tedder – Punho (fora de ação)

Tedder operou no ano passado para consertar uma lesão no punho. Os planos originais eram que ele voltasse para o Motocross 2018, mas a cicatrização demorou mais do que o esperado. ele também quebrou e reduziu a ulna (um dos ossos do antebraço) porque ela estava raspando no rádio (osso do antebraço).  No momento não há uma previsão de retorno.

Categoria 250SX

Jon Ames – Antebraço (fora de ação)

Ames recentemente sofreu uma fratura exposta no rádio e ulna do antebraço esquerdo. Ele teve complicações com síndrome compartimental, a qual se referiu pelo instagram como “a pior dor” que já sentiu. Ele tem mais cirurgias marcadas e está fora de ação por tempo indeterminado.

Christian Craig – Polegar (fora de ação)

Craig sofreu uma lesão no polegar, uma fratura de Bennett, enquanto se preparava para a temporada 2019. Ele está fazendo fisioterapia para estar pronto para a Costa Leste.

Jeremy Martin – Coluna (fora de ação)

Martin sofreu uma fratura compressiva em uma vértebra em Muddy Creek no ano passado. Ele esperava voltar possivelmente para a temporada 2019 do Supercross e com certeza para o Motoross, mas um checkup de rotina em Dezembro revelou que sua coluna mal cicatrizou. Ele vai operar de novo e está fora de toda a temporada 2019.

Chase Sexton – Clavícula (fora de ação)

Sexton lesionou a clavícula em um acidente de mountain bike. Ele ia disputar a Costa Oeste, mas agora vai se preparar para a Costa Leste. Cameron McAdoo vai substituí-lo.

Fonte: RacerX

Photo by: Simon Cudby

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s